Castração: Verdades e Mitos

Ajude os animais de Brumadinho
28 de janeiro de 2019

Castração: Verdades e Mitos

Muitos donos tem receio de castrar seus pets por conta de vários mitos criados em torno do assunto, vamos falar aqui sobre alguns deles e deixar você que também tem suas dúvidas mais dentro do assunto. Confira as verdades e os mitos da castração:

Reduz o risco de doenças do trato reprodutor e órgãos genitais – Cães machos idosos não castrados apresentam alterações significativas na próstata e testículos, e cadelas e gatas não castradas são predispostas a tumores de mama, útero, vagina, ovários e infecção uterina. A castração impede a ocorrência dessas afecções tão frequentes!

Evita gestação indesejada – Castração é o melhor método para evitar gestação indesejada. A utilização de anticoncepcionais predispõem seu animal ao câncer de mama e infecção uterina. Não utilize! Castre!

Cessa gravidez psicológica – A gravidez psicológica resulta em produção de leite, consequentemente mastite e predispõem ao câncer de mama.

Reduz comportamento de fugas e brigas – Fugas e brigas podem resultar em acidentes e lesões graves e fatais para os animais e para os humanos.

Reduz transmissão de doenças venéreas – O tumor venéreo transmissível é um câncer altamente contagioso entre os cães. A castração reduz o interesse reprodutivo, e consequentemente a transmissão do tumor.

Reduz ou elimina a marcação territorial dos machos – A castração não irá alterar o instinto do seu animal, mas irá reduzir o comportamento de marcação territorial nos móveis e paredes.

Castração precoce aumenta a sobrevida do seu animal – Se realizada antes da puberdade, é comprovado que a castração aumenta a sobrevida dos animais em média dois anos, pois reduz a ocorrência de afecções do trato reprodutor que acometem cães e gatos não castrados, e comportamento de fugas ou brigas.

Não predispõem a obesidade – Após castrado, seu animal precisará ingerir menor quantidade de calorias. O Médico Veterinário irá te orientar para que seu animal não ganhe peso e, portanto, não fique gordo.

Não predispõem a cálculos ou obstrução uretral em gatos e gatas – A formação de cálculos tem causa multifatorial. É comprovado que a castração não reduz o diâmetro uretral em felinos e, portanto, não predispõem a ocorrência de cálculo ou obstrução uretral.

Castração não é um ato brutal ou de mutilação – A castração é um procedimento cirúrgico realizado sob anestesia, dentro de um centro, cirúrgico, por profissionais qualificados, sem dor. A recuperação é rápida e a retirada de pontos é realizada após 7 a 10 dias.

Texto: Dra. Fabiana Voorwald – Médica Veterinária

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *